quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

[Resenha] O lar da Srta Peregrine para Crianças Peculiares (livro e filme)

Olá pessoal! ^_^

Após um longo “hiato” neste blog, quero comemorar a nossa volta (agora com domínio certinho)!!! eeeeeeeee \o/

Trago hoje uma resenha de livro e filme de um romance que mistura ficção e fotografias. A história por si só já é interessante mas com a coleção de fotografias antigas no livro, com um toque dark, deixam a mente ligada na história.


Sinopse


Tudo está à espera para ser descoberto em O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Nossa história começa com uma horrível tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo, por mais impossível que pareça, ainda podem estar vivas.

Quando vi que foi uma história escolhida para ir ao cinema com o mago dos filmes góticos, Tim Burton, senti muita vontade de ler. 

É do Tim Burton? Preciso ver! rs


Booktrailer:





A versão que li tinha a capa inspirada no filme. Devorei ele em dois dias! É uma leitura gostosa, com ação e umas partes que te prendem, fazendo com que você queira logo saber o que acontece no momento seguinte. Apesar de ter algumas partes no livro que são arrastadas e beiram ao tédio, no conjunto geral gostei muito do livro.

Este é o primeiro livro da série de Ranson Riggs e no momento estou no segundo volume (Cidade dos etéreos).



Pôster do filme



Sobre o filme


Dirigido por Tim Burton, o filme tem a cara dele. Até metade do filme a história se desenrola como no livro. Porém, a segunda metade é uma viagem total do diretor, rs. A princípio, achei que ele tinha “condensado” os livros num filme só, mas depois que comecei a ler o segundo volume, vi que ele acabou criando uma história diferente, até trocando os “poderes” de personagens.

Algumas pessoas não gostaram disso, os fanáticos por “fiel ao livro”. Particularmente, eu gostei do filme também. 





Sobre o autor


Ransom Riggs cresceu na Flórida, mas agora reside na terra das crianças peculiares, Los Angeles. Ao longo da vida, formou-se no Kenyon College e na Escola de Cinema e TV da Universidade do Sul da Califórnia, além de fazer alguns curtas-metragens premiados. Nas horas vagas é blogueiro e repórter especializado em viagens, e sua série de ensaios de viagem, Strange Geographies, seu primeiro romance, pode ser lida em ransomriggs.com 

- Livraria Cultura

***

E você, já leu ou viu o filme? Nos conte a sua opinião!

Nenhum comentário:

Postar um comentário